monólogo…

para onde vão minhas palavras,
se já não me escutas?
para onde iriam, quando me escutavas?
e quando me escutaste? – nunca.

perdido, perdido. ai, tudo foi perdido!
eu e tu perdemos tudo.
suplicávamos o infinito.
só nos deram o mundo.

de um lado das águas, de um lado da morte,
tua sede brilhou nas águas escuras.
e hoje, que barca te socorre?
que deus te abraça? com que deus lutas?

eu, nas sombras. eu pelas sombras,
com as minhas perguntas.
para quê? para quê? rodas tontas,
em campos de areias longas
e de nuvens muitas.

(Cecília Meirelles)

One Response to “monólogo…”

  1. Essa frase – “com que deus lutas” – me parece ambígua. O significado do nome Israel é “o que luta com Deus”. Só que no caso da frase no poema fico a pensar se a poetisa pensava nisso, em luta contra Deus ou em luta lado-a-lado com Deus.
    Deu nó!

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s

%d bloggers like this: